2013»SIP#02, evento-sportup

Startups in Progress #02: João Cabral vai relatar, praticamente em tempo real, como se constrói o LinkedIn dos futebolistas

Em 2001, ainda antes de ter iniciado a sua formação inicial rumo a uma carreira de professor de Educação Física, João Cabral tinha já criado o seu primeiro negócio – uma empresa de gestão de condomínios.

Antigo jogador de Basquetebol, terminada a sua licenciatura em Ciências do Desporto, tentou arranjar contactos profissionais como treinador na sua modalidade, e apercebeu-se que não só a informação estava muito dispersa, levando muito tempo a identificar, como sentiu na pele a dificuldade de realizar contactos a frio, sem que ninguém o conhecesse.

Em 2012, juntou-se a um colega de curso e a um programador ainda a terminar os seus estudos no Instituto Superior Técnico, e, com o apoio da aceleradora de empresas Fábrica de Startups, recuperou a ideia, orientou-a para o mercado do futebol e lançou a Wannaplayer, o Wildcard do Startups in Progress #02!

No próximo dia 11 de junho, João Cabral vai estar connosco para contar, quase em tempo real, como se constrói um mercado virtual de jogadores de futebol. Não percas! Partilha o evento e inscreve-te aqui: http://sportup-sip02.eventbrite.pt

Imagem

Standard
2013»SIP#02, evento-sportup

Startups in Progress #02: Pedro Pedrosa desvenda como se constrói uma rede de hotéis amigos da bicicleta

Desde sempre ligado ao desporto de natureza, em 1991, estava no 4.º ano de Engenharia Informática quando criou a sua primeira empresa, de comercialização e distribuição de bicicletas de montanha e realização de eventos. Posteriormente, foi coordenador operacional de um projeto que ainda hoje não tem paralelo – a Carta do Lazer das Aldeias Históricas, promovido pelo INATEL.

Em 2006, depois de ter criado mais uma empresa, de ter passado três anos como Diretor de Projetos na conhecida YDreams e outros cinco anos a colaborar com uma empresa americana de turismo de aventura, Pedro Pedrosa fundou a YTravel, onde cruzou duas paixões: as viagens e o desporto de natureza.

Já com duas marcas, a A2Z Adventures e a A2Z Consulting, a YTravel lançou há um ano uma terceira que poderá ser a sua primeira spin-off: a Bikotel. No próximo dia 11 de junho, Pedro Pedrosa vai estar connosco para desvendar como se constrói uma rede de hoteis ‘amigos’ da bicicleta. Não percas! Partilha o evento e inscreve-te aqui: http://sportup-sip02.eventbrite.pt

Imagem

Standard
2013»SIP#02, evento-sportup

Startups in Progress #02: Henrique Pinho revela como a DryDrill redefine a bicicleta como acessório de moda

O que é que montras, sessões fotográficas, calças de ganga, camisas ou t-shirts, um configurador online e bicicletas single-speed têm em comum? Um arquiteto ‘criativo, curioso, positivo e fazedor’ que, ao observar as pessoas passeando e exibindo as suas bicicletas em cidades como Berlim, Milão ou Madrid, sentiu que não se tratava apenas de um meio de transporte, mas de um acessório totalmente identificado com quem o utilizava.

Foi com base neste insight que, em 2011, depois de vários anos a trabalhar no mundo da moda, na indústria do vestuário, quis redefinir a sua vida para a década seguinte e decidiu lançar a DryDrill, a “alternativa para quem gosta de design essencial e procura um produto personalizável, feito à mão, de alta qualidade e que não se parece com o de ninguém.

No próximo dia 11 de junho, Henrique Pinho vai estar connosco para nos revelar como é que cruzou a moda com as bicicletas e a customização com o fabrico artesanal. Não percas! Partilha o evento e inscreve-te aqui: http://sportup-sip02.eventbrite.pt.

Imagem

Standard
2013»SIP#02, evento-sportup

Startups in Progress #02: Roberto Coelho vai explicar como transformou o proverbial 1€ no seu ginásio MaisFitness

Entrou na Escola Superior de Desporto de Rio Maior com o desejo de ser treinador de futebol. Matriculou-se em Condição Física por engano, pensava que lhe daria saída como Preparador Físico. Ainda movido pela ambição inicial, começou a trabalhar num clube de futebol no primeiro ano do curso.
Mas no segundo ano tudo mudaria. Percebeu o que era a Condição Física, entusiasmou-se e apontou baterias para esse setor. No segundo ano começou a trabalhar num ginásio perto do local de residência – Torres Vedras. Daí passou para a unidade local da cadeia Portuguesa Clube L – Health Clubs. Depois, ainda enquanto estudava, foi para Lisboa, para o Pump – fitness spirit, um ginásio low-cost que tinha acabado de abrir.

Entretanto, como passa-tempo, decidiu começar a dar umas aulas de condição física em Torres Vedras. Tinha um pavilhão, mas não tinha equipamento. Os próprios clientes compravam o seu. Não tinha mensalidades. Cada cliente deixava 1 Euro num saco no final da aula. Algum tempo mais tarde, cria o seu próprio ginásio MaisFitness, em Torres Vedras.

No próximo dia 11 de junho, Roberto Coelho vai estar connosco para contar como é que passou de um passatempo com aulas a 1 Euro para o seu próprio ginásio. Não percas! Partilha o evento e inscreve-te aqui: http://sportup-sip02.eventbrite.pt.

Imagem

Standard